De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), famílias no campo de refugiados destruído de Nusseirat, no centro de Gaza, estão se abrigando em tendas precárias perto da beira da água, devido à escassez de espaço, enquanto o deslocamento continua.

“Muitas famílias dependem da água do mar para lavar, limpar e beber”, declarou a organização.

Anteriormente, o chefe da UNRWA, Philippe Lazzarini, pediu a interrupção do deslocamento dos palestinos após novas ordens de evacuação do exército israelense em partes do sul de Gaza.

Muitos dos que fugiram do norte e centro de Gaza no início do ataque buscam abrigo em Khan Yunis e Rafá. Duzenas de milhares estão sendo forçados a fugir novamente, principalmente para as áreas superlotadas do centro de Gaza.

Categorizado em:

Governo Lula,

Última Atualização: 06/07/2024